DELEGAÇÃO LATINO-AMERICANA



OPUS MAGICUM: AS CADEIAS

A finalidade das cadeias mágicas é a de formar uma força fluídica coletiva, potencialmente maior do que aquela de que poderia dispor cada um dos componentes operando isoladamente, e assim poder ser utilizada por cada indivíduo participante. Uma cadeia se forma pela “sintonia” dos elementos componentes, quando existe a identidade ou a correspondência, conforme a lei dos números, da atitude interior ou do rito praticado por mais pessoas, seja operando conjuntamente em recolhimento, seja operando em locais diferentes, ainda que uma não saiba da outra, contanto que sejam rigorosamente observadas as normas dos tempos e dos ritos. Uma cadeia pode ser formada intencionalmente e cerimonialmente quando uma ou mais pessoas estabeleçam sua finalidade e determinem adequadamente o rito conforme as normas tradicionas. É também possível a formação espontânea de uma cadeia, assim como é possível que uma pessoa pertença de fato a ela e não o saiba. Neste caso, a condição é uma correspondência de vibrações sutis, que por si só basta para estabelecer o estado de relação e que prescinde de distâncias espaço-temporais.


(continua na página Kremmerz)


OPUS MAGICUM: A CONCENTRAÇÃO E O SILÊNCIO

A possibilidade de chegar a uma completa realização teúrgica e mágica se baseia no conhecimento direto e experimental, que possua o operador, de potências espirituais que constituem a íntima essência da realidade, a cujo conhecimento se chega cumprindo com um rito que auxilia a desocultar as próprias faculdades, desconhecidas ou demasiadamente descuidadas. Aquele que, tendo escolhido a via a seguir, é forte em si mesmo e se encontra seguro de que sua vontade será dura e firme contras os incontáveis obstáculos que encontrará no caminho, não será arrebatado jamais por um único momento de debilidade; de tal modo que ele abrogue as normas estabelecidas, e que tenha início o rito.

(continua na página Magnani)


A Esculápio

Oh médico universal, Esculápio, soberano Peã,

que alivia os dolorosos sofrimentos dos doentes,

oh possuidor das doces doações, portador de saúde aos mortais,

fazendo cessar as doenças, as tristes deusas da morte,

favoreça a vida, oh socorredor que afasta os males,

oh inimigo dos males, esposo da irrepreensível Hígia,

oh beato, oh salvador, venha do feliz destino, ilustre e valorosa prole de Febo Apolo,

e traga um final feliz para a vida.

A SERPENTE EMPLUMADA


(na página Academias)

Accademie Hermetiche Kremmerziane Unite

última atualização janeiro de 2017

Newsflash